2   +   3   =  

Recentemente, a gigante dos artigos desportivos Nike comprou a marca californiana de surf e skate Hurley, uma das maiores empresas do segmento.
A equipe principal Hurley tem os skatistas brasileiros Bob Burnquist, Lincoln Ueda e Rodrigo Arruda. O carioca Bruno Passos é o team manager.
Críticas sugiram contra a marca e seus atletas, e houve até quem propusesse boicote à Hurley.
Bob Burnquist, que recusou duas propostas de patrocínio da Nike (uma em 1995 e outra em 1997), esclarece a situação em depoimento exclusivo reproduzido abaixo.

“A história é a mesma: eu não tenho patrocínio Nike. O meu patrocinador, ou melhor, a família Hurley, continua forte. Trata-se de uma parceria onde a Hurley retém controle total de imagem. A Nike investiu no ideal da marca. Essa janela para passar ainda mais o sentimento Hurley para o mundo não podia ter vindo em melhor tempo. É fácil confundir as coisas, quando a intenção é a confusão. Nós conseguimos criar uma imagem e uma marca tão fortes que uma companhia como a Nike se interessou, viu futuro. Quer coisa melhor? Poder usar o investimento de uma megamarca para a divulgação do ideal e feeling que vêm do surf e skate? We are the decision makers. Vamos aproveitar o embalo e mandar ver no trabalho, continuando a caminhada. Não estamos falando da Nike. Estamos falando da irmandade e do feeling Hurley, que vai continuar bombando.”
Bob Burnquist

Bob Burnquist