Em 2017, o espanhol Ignacio Echeverria Miralles de Imperial foi assassinado ao tentar defender uma mulher dos ataques de terroristas em Borough Market, em Londres, na Inglaterra. Além dele, foram mortas no atentando outras seis pessoas.

Natural de Madrid, na Espanha, Ignacio vivia em Londres há algum tempo e era skatista. Segundo testemunhas, ao ver uma mulher sendo atacada por um dos terroristas munido de uma faca, não pensou duas vezes e partiu para cima do criminoso desferindo golpes com seu skate e salvando a mulher antes de morrer.


Relembre o caso: “O Skatista mártir”

 

Desde então, a memória de Echeverria vem sendo reverenciada e homenageada com seu nome em skateparks da capital espanhola, além de um musical intitulado Skate Hero (veja mais aqui).

Agora, passados quase cinco anos de seu assassinato, a família, com apoio do bispo Juan Antonio Martínez Camino, da Catedral de Madrid, está terminando de juntar documentos para tentar a canonização de Ignacio.

Joaquim, o pai de Ignacio, sabe que esse tipo de processo leva tempo e declarou ao Guardian: “Não sei se vai demorar 5 ou 15 anos.”

A ideia da canonização, segundo a reportagem, surgiu um mês após a morte de Ignacio, quando seu pai leu o pronunciamento do Papa Francisco em que declarava que “aqueles que voluntária e livremente ofereceram sua vida pelos outros e perseveraram com essa determinação até a morte, seriam dignos de consideração e honra especiais”.

Joaquim contou também que Ignacio era muito inclinado à fé católica, principalmente quando se mudou para Londres para trabalhar como analista no setor de crimes financeiros para o HSBC.

 

Ignacio era skatista mesmo, daqueles que faz até vídeo promo, como pode ser conferido abaixo.

Além das skateparks que levam seu nome e do musical que homenageia sua vida, seu amor pelo skate e sua coragem, Ignacio também foi premiado postumamente com a George Medal pela Rainha da Espanha e a Grã-Cruz da Ordem do Mérito Civil da Espanha.


Será que Santo Ignacio de Echeverria será o padroeiro dos skatistas? O tempo dirá!